02a27e3b4f76759db869f6db758f8924ea6de9229a5c83684b7a56802e2a6db7-1032x493

Cosern aplicou R$ 43,5 milhões no sistema elétrico do Seridó nos últimos 18 meses

A Cosern realizou um balanço dos investimentos feitos nos últimos 18 meses no Seridó (RN), localidade onde concessionária conta com aproximadamente 150 mil consumidores. Entre janeiro e junho de 2018, os recursos alocados em obras de expansão e manutenção do sistema elétrico na região movimentaram R$ 10,5 milhões, somando-se aos R$ 33 milhões aportados na cidade em 2017.

As informações foram repassadas à imprensa local pelo gerente da Cosern para o Seridó, José Gomes, e pelo novo Gestor da Cosern em Currais Novos, Marco Vinícius Guimarães, na chegada do caminhão do projeto Energia com Cidadania, que ficou no município entre 2ª e 6ª feira da semana passada, atendendo 1.180 clientes e efetuando a troca de 5.300 lâmpadas ineficientes por LED.

Entre os destaques do levantamento, estão a entrada em operação das subestações Currais Novos I (maio de 2017) e Jardim do Seridó (agosto de 2017). A subestação Currais Novos I foi construída com investimentos de R$ 6,8 milhões, e hoje beneficia 90 mil potiguares nos municípios de Currais Novos, São Vicente, Lagoa Nova, Cerro Corá, Bodó e Florânia. Já com recursos de aproximadamente R$ 10 milhões, a SE Jardim do Seridó ampliou a oferta de energia para 21 mil potiguares dos municípios de Jardim do Seridó, Ouro Branco, Acari e São José do Seridó.

Linhas de transmissão e obras estruturantes

Outro destaque dos investimentos da companhia no Seridó em 2017 e neste primeiro semestre do ano foi a construção de três linhas de transmissão. A primeira liga as subestações Currais Novos II, da Chesf, a Currais Novos I, da Cosern, e contou com investimento de R$ 200 mil. A segunda, orçada em R$ 5,8 milhões, liga Currais Novos I a Acari e a terceira, Acari e Jardim do Seridóm recebeu R$ 6 milhões em recursos. Com essas novas estruturas, hoje há três LTs entre Currais Novos e Acari e duas entre Acari e Caicó.

Com o reforço na infraestrutura, as interrupções no fornecimento de energia elétrica são cada vez mais raras e, quando ocorrem, o tempo de restabelecimento é minimizado. De acordo com os levantamentos pela distribuidora, houve uma redução de 51% na frequência das ocorrências no primeiro semestre de 2018, quando comparado com mesmo período do ano passado. Já o tempo de duração das interrupções reduziu 28% no mesmo período.

Ainda no primeiro semestre deste ano, a Cosern instalou no Seridó 1.300 novos postes e construiu 79,8 quilômetros de redes de média tensão. A concessionária também colocou em operação 21 novos equipamentos telecomandados, substituiu 15 quilômetros de redes de média tensão nuas por protegidas, e 25 quilômetros de redes de baixa tensão por multiplexadas, redes mais compactas e de convivência harmônica com as árvores, evitando podas, além de realizar 4 mil novas ligações de energia.

Entre os aportes futuros da empresa na região, merece destaque a construção da nova subestação de Caicó (Itans), planejada para entrar em operação até o final do 1º semestre de 2019.

Fonte: Canal Energia

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *