Foto: Renewable Choice Energy

Rio Grande do Norte deverá realizar novo leilão de energia

O Rio Grande do Norte, Pernambuco, Ceará e Bahia podem ter novo leilão de energia nos próximos meses. Os estados pleitearam a reversão do cancelamento do leilão de energias renováveis que aconteceria no mês passado.

Encontro ocorreu essa semana entre o Ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, e secretários estaduais de Desenvolvimento Econômico. O ministro de Minas e Energia prometeu responder ao pleito dos governadores nos próximos 30 dias.

A expectativa dos governantes é que diante dos argumentos expostos na reunião essa decisão do Governo Federal seja repensada e uma nova data do leilão seja marcada para este quadrimestre.

O cancelamento definitivo iria prejudicar tanto os estados quanto a iniciativa privada, causando insegurança jurídica para os investidores e a cadeia de fornecedores. O ministro Fernando Filho se mostrou sensível à reivindicação dos governos para que o leilão seja realizado o mais rápido possível. Explicou que teria até março para apresentar a decisão, mas que irá antecipar para 30 dias.

Considera a possibilidade de rever mesmo que seja realizando um leilão menor. RN lidera o ranking de energia eólica  O Rio Grande do Norte continua na liderança do ranking de produção de energia eólica no Brasil. Segundo dados da ANEEL, referentes a este mês, a produção de energia eólica no Rio Grande do Norte é de 3.311 Megawatts (MW) distribuídos entre 122 parques em operação.

Além da atual produção, 16 parques eólicos se encontram em construção e quando entrarem em operação irão gerar 417 MW. Outros 38 parques eólicos estão contratados, mas ainda sem previsão de construção, e irão gerar 920 MW.

Foto: Mossoró Hoje

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *